Mix de Notícias com Élvia Moraes – 27/11/2017

Uberaba terá 21 vereadores a partir de 2021. Projeto foi aprovado em primeiro turno

Até 2004 Uberaba tinha 19 vereadores. Mas por determinação do Supremo Tribunal Federal o número de parlamentares foi reduzido para 14 seguindo critérios do IBGE sobre a população e número de eleitores.
Há cinco anos, quando foi permitido aos municípios modificar a composição do Legislativo, vereadores de Uberaba votaram contra a ampliação. Das cidades pólo de Minas Gerais, a cidade tem a menor Câmara.
O Município poderia ter até 23 vereadores. Na seção desta sexta-feira, sem muito alarde, a ampliação para 21 cadeiras foi aprovada em primeiro turno. Também foi aprovada durante a seção, a redução da verba de gabinete que permite aos vereadores contratar até 16 assessores. De 33 mil reais  a verba em 2021 cai para 20 mil reais.
A alteração provocou mudança de opinião no Presidente Luiz Dutra, até então, ferrenho opositor a ampliação das cadeiras.
 Vereador Samuel Pereira votou contrário ao projeto.
Projeto volta no em dezembro para a aprovação em segundo turno. Os sete novos vereadores serão eleitos em 2020. Atualmente o salário dos parlamentares é R$12.230,65

Frigorífico Nhô Bento fecha Unidade de Veríssimo desempregando cerca de 200 funcionários

A crise na JBS chega ao Triângulo Mineiro. A empresa mantinha um frigorífico em Veríssimo onde eram abatidas cerca de 20 mil aves por dia que conquistaram o mercado nacional com a marca do frango caipira Nhô Bento.
A estrutura montada pelos avicultores em parceira com a empresa era moderna. Tinha um sistema de reaproveitamento de água, escola de informática para funcionários e moradores da cidade.
Segundo informações, a marca Nhô Bento também ajudava a manter asilo e creche em Veríssimo. O fechamento da unidade gerou a demissão de quase duzentas pessoas

MP denuncia ex-secretário de saúde, Fahim Sawan e mais cinco por fraude em compra de medicamentos

O Ex-secretário de Saúde do Município, Fahim Sawan e outras cinco pessoas foram denunciados criminalmente pelo Ministério Público por irregularidades na compra de medicamentos e insumos hospitalares.
O esquema de superfaturamento e fraude em compras sem licitação foi denunciado em 2014 pelo conselheiro Municipal de Saúde, Aurélio Luiz da costa, hoje falecido. Há dois anos, foi interposta uma Ação Civil Pública para apurar a denúncia.
Consta no processo, que para realizar compras sem licitação, o grupo denunciado utilizava o argumento de situação emergencial provocada pela dengue e gripe decorrente do H1N1.
Só que os medicamentos que deveriam abastecer a Farmácia Básica e Excepcional, não davam entrada no estoque e eram desviados para terceiros. A fraude também consistiu na maquiagem de notas fiscais e registros de entrada e saída de cada item.
Além do ex-secretário Fahim Sawan, foram denunciados João Lisita Neto que na época era subsecretário de saúde e ainda Rômulo Batista Cassiano, Erick Goulart, Sérgio Mathias e Leandro Narciso. Na denúncia ao Judiciário cinco promotores pedem o ressarcimento de R$4 milhões aos cofres públicos.

Ações da Semana de Combate à AIDS começam hoje

Para celebrar o Dia Mundial de Luta contra AIDS, em 1º de dezembro, o Município realiza a partir de hoje diversas ações para a comunidade. Nesta segunda-feira, os testes rápidos para HIV acontecem das oito da manhã às quatro da tarde no CTA – Centro de Testagem Anônima na Rua Marechal Deodoro, 166.
Na quarta-feira, dia 29 serão realizados na Av. Marcus Chérem em frente à Ubervel das seis da tarde às onze da noite e na sexta-feira, 1º de dezembro na Praça Rui Barbosa das oito da manhã às quatro da tarde.
Vale lembrar que o CTA além de exames para detectar o HIV também oferece testagem para sífilis e Hepatites B e C atendendo inclusive, gestantes da rede pública para realizar exames de pré-natal. O horário de funcionamento na Rua Marechal Deodoro, 166 par a coleta de exames é de sete e meia da manhã a dez e meia. E toda quarta-feira das cinco da tarde a sete e meia da noite.

Compartilhar: