Amor incondicional ou cegueira? 70% dos donos de iPhone não pensam em comprar outras marcas

Quando você vai comprar um smartphone novo, quais marcas leva em consideração? Samsung? LG? Motorola, Lenovo? ASUS? Ou quem sabe alguma marca chinesa, como Xiaomi, Huawei, HTC e OnePlus? Quem acompanha o mercado de smartphones sabe que o que não faltam são marcas com celulares de qualidade. Porém, para 70% dos usuários da Apple, só existe Apple.

Quem diz isso não é o TudoCelular, mas sim uma pesquisa da Fluent, uma plataforma de marketing digital dos Estados Unidos. Ela fez uma pesquisa com 2.117 pessoas que usam iPhone como celular principal. O resultado foi que 80% dos entrevistados disseram que pretendem comprar um iPhone novamente quando precisarem trocar de celular.

Mas o pior não é esse dado e sim que 70% dos entrevistados nem sequer cogitam a possibilidade de comprar smartphones de outras marcas, como a Samsung. Além disso, 67% deles justificaram a sua escolha dizendo que consideram o iPhone como o melhor smartphone disponível no mercado e que, por isso, não é necessário se dá ao trabalho de conhecer outras marcas. Isso demonstra um nível de lealdade dos usuários difícil de se ver em qualquer outra marca concorrente. A que se deve a isso? À qualidade dos aparelhos, a um amor incondicional ou a uma cegueira pura e simples?

 

Em julho desse ano publicamos que a Apple atraiu mais usuários Android que nos anos anteriores, cerca de 17% de usuários Android partiram para os aparelhos da Maçã. Mesmo com muitos dispositivos Android apresentarem recursos inovadores e inexistentes nos celulares da Apple.

A pesquisa também perguntou qual o próximo iPhone que eles estavam planejando comprar, entre os supostos iPhone 7S, 7S Plus e iPhone 8, que, em tese, seria uma edição comemorativa de 10 anos de lançamento do primeiro iPhone. 40% dos entrevistados disseram que iriam comprar o iPhone 8 mesmo que ele custe mais de US$ 1.000, que é um valor extremamente caro para os padrões americanos.

Fonte: Tudo Celular/Fluentco
(Copiado e Traduzido na Íntegra)